Pular para o conteúdo principal

Postagens

PESQUISA MOSTRA COMO NOSSAS EXPERIÊNCIAS INFANTIS PODEM MUDAR NOSSO DNA

Postagens recentes

“TDAH É O PRINCIPAL EXEMPLO DE UMA DOENÇA FICTÍCIA” OU, UM DESAFIO ÉTICO PARA OS PAIS E OS PROFISSIONAIS QUE LIDAM COM CRIANÇAS.

“TDAH É O PRINCIPAL EXEMPLO DE UMA DOENÇA FICTÍCIA” OU, UM DESAFIO ÉTICO PARA OS PAIS E OS PROFISSIONAIS QUE LIDAM COM CRIANÇAS.De acordo com uma matéria publicada no Mídia sem Máscara  o TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade) não passa de uma “teoria”, ou ainda de uma doença fictícia. Como é sabido, a indústria farmacêutica tem lucrado quantia exorbitantes com a venda de remédios psiquiátricos nas últimas décadas. Nos Brasil, os dados do consumo da Ritalina, remédio para tratar o TDAH estão gerando controvérsias. Isto porque a chamada droga da obediência tem fortes efeitos colaterais e o número de vendas sugere um uso indiscriminado. Antes de sair em defesa desta medicação, sugiro que assistam o vídeo O Brasil é o segundo maior consumidor de Ritalina do mundo Abaixo segue o texto da matéria publicada pelo Mídia sem Máscaras juntamente com a fonte internacional da mesma. Pai do transtorno de déficit de atenção se declara um mentiroso
ESCRITO POR WND.COM | 12 DEZEMBR…

25 MANDAMENTOS DA ALIMENTAÇÃO INFANTIL

BRINCAR SEM BRINQUEDO: QUAL É A IMPORTÂNCIA PARA A CRIANÇA?

“Deixar menos opções, muitas vezes, é abrir uma porta para a criatividade e uma vastidão de possibilidades.” Tatiana Weberman  BRINCAR SEM BRINQUEDO: QUAL É A IMPORTÂNCIA PARA A CRIANÇA?As maiores brincadeiras estão dentro da cabeça da criança, ou seja, surgem através da imaginação. Nem sempre é preciso de um brinquedo para poder brincar e se divertir. E, na verdade, é bom que a criança não brinque mesmo sempre somente com brinquedos prontos para que ela aprenda a usar sua criatividade e estimule a capacidade de construir. Um simples graveto pode se transformar em uma varinha mágica, ou em um foguete, ou quem sabe em um bichinho que anda pelo mato. Vale tudo o que a imaginação da criança permitir e saber criar suas próprias brincadeiras sem brinquedos é importante para o desenvolvimento infantil. O exercício de transformar objetos e situações em brincadeiras é muito importante na vida de uma criança. A frase “dar asas à imaginação” sempre foi muito coerente e hoje, com tantos brinquedos à…

OITO DICAS SIMPLES QUE AJUDAM SEUS FILHOS A PRATICAREM A SUSTENTABILIDADE

Oito dicas simples que ajudam seus filhos a praticarem a sustentabilidadeAo ensinar as crianças esses conceitos você cria um ambiente melhor em casa e ainda ajuda a preservar o meio ambiente
Parte importante da educação, cidadania e o respeito com o meio ambiente precisam começar em casa. A ajuda dos pais em conversas com seus filhos sobre o que é o consumo e seus efeitos, ensiná-los temas como descarte do lixo, explicar-lhes o que é e como funciona a reciclagem são iniciativas que ajudam as crianças a construir melhor entendimento sobre questões ambientais e desdobrá-lo em atitude e comportamento sustentáveis. De maneira complementar a essa educação ambiental doméstica importa a ajuda da escola e seus professores, algo fundamental. Existem instituições de ensino que se diferenciam pela apresentação dos conceitos e práticas da sustentabilidade para crianças já em seus primeiros anos na escola, algo que vale à pena pesquisar na escolha do espaço que lhes ajudará a formar aqueles, que ta…

COMO DEVE SER A PRÁTICA DE ESPORTES NA PRIMEIRA INFÂNCIA

Thinkstock/Getty ImagesComo deve ser a prática de esportes na primeira infânciaExercícios físicos são essenciais para a saúde e o desenvolvimento de crianças, inclusive nos primeiros 6 anos de vida. Saiba mais!
Uma pesquisa da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgada em 25 de janeiro de 2016 escancara um dos maiores problemas de saúde pública do mundo moderno: a obesidade infantil. De acordo com o levantamento, realizado em mais de 100 países, o número de crianças obesas menores de 5 anos de idade saltou de 31 milhões para 41 milhões entre os anos de 1990 e 2014. Especialistas dos quatro cantos do globo são categóricos em afirmar que esse triste cenário se deve, em grande parte, a um estilo de vida que alia a má alimentação ao sedentarismo. Ou seja, além de abusarem de doces e alimentos gordurosos, nossos pequenos estão correndo e pulando cada vez menos.
Daí a importância de incentivar, desde cedo, que a meninada saia do sofá e brinque no quintal, no parque, na quadra ou no playgrou…